quarta-feira, 16 de novembro de 2011

De vez em quando, o pecado oculto dá as caras...

Diante de ti puseste as nossas iniqüidades; os nossos pecados ocultos, à luz do teu rosto. Salmos 90.8

Eu tenho predileção pela tradução Revista e Corrigida da Bíblia Sagrada por causa de algumas expressões e neste versículo está uma delas. Pecado secreto me parece algo sabido e escondido de propósito, enquanto, pecado oculto dá a sensação de algo nebuloso, por vezes desapercebido, mas, existente na nossa natureza limitada. De vez em quando, o pecado oculto dá as caras...

Outro dia, eu tomei uma decisão que provocou a morte de dezenas de pessoas, perda de trinta e três por cento de minhas propriedades e um saldo negativo que me forçou a um empréstimo de mais de quatro milhões. Calma, calma! Não fique assustado porque isto aconteceu no mundo virtual de um game online para múltiplos jogadores. Apesar de acontecer no imaginário mundo dos games, a consequência se deu pelo predomínio da empolgação e soberba.

Sim, foi difícil não me sentir "o cara" após vinte vitórias consecutivas no campo de batalha. Foi aí que me precipitei e diante do resultado só pensava "Cara, por que eu fiz isso?" e "Como eu fui dar esse mole?" [se você não joga games, não tem noção do que me aconteceu, mas, foi sério, quase tive que cancelar minha conta]. Eu sabia o que tinha que fazer e não fiz. Agora, pense: não são essas expressões que ouvimos de alguém que dá luz ao pecado?

Interessante é que mesmo lendo a Bíblia e tendo uma vida de oração não estamos livres da manifestação do pecado oculto. Muitas vezes pensamos que é um problema já superado [reside aí o perigo?]. Outro engano é achar que o pecado oculto é um problema pertinente aos adolescentes da igreja. Logo se pensa em masturbação, pornografia etc. Mas, a recomendação de Jesus é que nós olhemos para a trave que está em nosso próprio olho [ou seja, sempre nos lembremos do nosso último vacilo].

Desta maneira, pode ser que não consigamos zerar a predominância, vez ou outra, do pecado, sim, mas, a santificação estará em curso. A prática da prudência, do domínio próprio e aquisição de sabedoria.  Creio que esta é a rota que torna uma realidade a palavra de Pv 3.18 [Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito]. Então, faça esse favor a si mesmo e aos que estão ao seu redor!

Permaneçamos firmes!

Este blog é melhor visualizado com o Mozilla Firefox.
Qual é a sua opinião sobre o assunto? Deixe seu comentário aqui, pois, ele é muito importante.
Achou o artigo de utilidade pública? Compartilhe clicando em SHARE, Curtir ou comente pelo Facebook.

Bookmark and Share

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Link Within

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Direitos Autorais Preservados